A história

Alton, Illinois


Alton, uma cidade ao sul de Illinois em Madison County, fica a 40 quilômetros ao norte de St. Louis, Missouri. Ele está localizado no rio Mississippi, a cerca de seis quilômetros de sua confluência com o Missouri. O primeiro assentamento no local foi feito em 1783. Uma rebelião de elementos anti-abolicionistas em Alton no mesmo ano resultou na morte de um residente que estava defendendo suas prensas e é homenageado com o Monumento Elijah P. Lovejoy, no cemitério de Alton. O último debate entre Abraham Lincoln e Stephen Douglas sobre a questão da escravidão ocorreu em Alton em 15 de outubro de 1858, poucas semanas antes da eleição para o Senado dos EUA, que Lincoln perdeu. A primeira prisão estadual de Illinois foi estabelecida em Alton na década de 1850, mas abandonada após a Guerra Civil, quando foi substituída pela prisão em Joliet. O Shurtleff College foi organizado em Collinsville em 1827 e mudou-se para Alton em 1831 Foi fechado em 1957 e seu campus foi absorvido pela Southern Illinois University. Alton é servido pelo Lewis and Clark Community College, estabelecido em 1970 nas proximidades de Godfrey. O Museu de História e Arte de Alton está localizado em Loomis Hall, um dos primeiros edifícios no antigo campus do Shurtleff College. Inclui uma exposição sobre Robert Wadlow, que nasceu em Alton e cresceu quase três metros antes de morrer aos 22 anos. O Museu das Forças Armadas tem uma grande coleção de veículos militares. A herança da vizinha Wood River é preservada em seu Wood River Museum e Visitors Center no centro. O Alton Memorial Hospital foi construído com doações do fundador da Illinois Glass Company e abriu suas portas em 1937.


Alton Historical Society

"Espero que 2021 seja melhor do que 2020, que tem sido um período muito difícil para todos. Tínhamos todos os nossos programas para 2020 prontos e o folheto do programa pronto para impressão e então o mundo ficou de cabeça para baixo e do avesso. Covid-19 atingiu com a força de uma explosão nuclear. Esperávamos que não fosse tão agressivo e poderíamos incluir alguns dos programas, mas isso nunca aconteceu. O estado de New Hampshire foi bloqueado e isso incluía todos os museus. Edifícios da cidade e os escritórios foram fechados ao público, o que incluiu o nosso Museu que fica no nível inferior da Biblioteca Gilman. Nenhum acesso ao nosso Museu e nenhuma utilização da sala de conferências. É onde estamos hoje, embora a biblioteca tenha permitido muito acesso limitado ao nosso quarto, mas apenas com hora marcada e sem público permitido. "

Uma mensagem dos Diretores e Diretores do Conselho

Uma mensagem dos Diretores e Diretores do Conselho

Uma mensagem dos Diretores e Diretores do Conselho

"O conselho teve uma reunião de emergência em 6 de agosto, para repassar nossas opções. Nos encontramos na varanda dos fundos da Alton Bay Community House, usando máscaras e mantendo o distanciamento social. Concordamos em cancelar a temporada de 2020 para a segurança de todos membros e amigos. Não houve liquidação de garagem ou venda de bolos nesta temporada. Perguntou-se aos membros do conselho se eles permaneceriam em seus cargos atuais até 2021 e todos concordaram. Não podíamos ver como poderíamos ter o jantar festivo e a eleição dos diretores para 2021 como fazemos em outubro de uma forma segura para todos. "

"Também concordamos, porque a temporada de 2020 foi cancelada, manteríamos a associação atual. Não enviaríamos um folheto do programa e um formulário de renovação de associação para 2020. [E] nenhuma anuidade foi coletada para 2020."

(Trechos do boletim informativo anual)

Uma mensagem dos Diretores e Diretores do Conselho

(Trechos do boletim informativo anual)

“Se conseguirmos realizar algum programa em 2021, iremos publicá-lo em nosso site, Facebook e no Baysider, com a data, hora e local. Temos conduzido os negócios da Sociedade a partir de casa da melhor maneira que podemos, atendendo telefone, mensagens de e-mail e consultas que chegam. "

". nossa esperança é que você continue sendo membro e apoiando a Alton Historical Society."

"Desejamos a todos um 2021 seguro e saudável."

Presidente interino - Marty Cornelissen

Diretor - Muriel Stinson

Diretor - Bob Witham

Diretor - Sylvia Countway

Tesoureira - Mary Cornelissen

Secretária de Gravação - Sandy Hammond

Nossas Reuniões

Nossas Reuniões

(Trechos do boletim informativo anual)

REUNIÕES ATUALMENTE EM ESPERA

O Museu Histórico de Alton está aberto ao público, das 9h30 às 12h30, no terceiro sábado de cada mês, e outros horários mediante agendamento. A Alton Historical Society se reúne na terceira terça-feira de cada mês, de abril a setembro, às 19h, no andar inferior da Biblioteca Gilman, na 100 Main Street, Alton, NH. Essas reuniões começam com uma breve reunião de negócios, seguida por um programa cuidadosamente selecionado com recursos visuais, sempre com a certeza de despertar o interesse do público!

Role para baixo para obter informações de contato, direções e mapa.

Nossa missão

Nossas Reuniões

Nossa missão

A Alton Historical Society foi formada em Alton, New Hampshire em 1950. Os objetivos da Alton Historical Society são o incentivo ao interesse pela história de Alton por todos os meios apropriados, incluindo a coleta, exibição e preservação de artigos de interesse histórico para o benefício deste e gerações futuras. Nosso objetivo é coletar, organizar, preservar e exibir para a educação pública e diversão, materiais históricos pertencentes à cidade de Alton, New Hampshire. , direções e mapa.

Nosso Museu

Nossas Reuniões

Nossa missão

O Museu Histórico de Alton, localizado no nível inferior da Biblioteca Gilman, possui uma coleção de memorabilia pertencente à história de Alton. Você encontrará fotos e cartões postais antigos retratando Alton da virada do século, que mostram muitas áreas como eram, junto com edifícios antigos que não existem mais. Você também pode encontrar informações sobre os muitos acampamentos de jovens que estavam ativos em Alton Bay durante os anos 1900.

Informações e fotos de antigos barcos que navegavam nas águas do Lago Winnipesaukee, como o antigo barco a vapor Mt. Washington, o Swallow, e o barco do correio, o Tonamar, estão em exibição. Temos móveis, pássaros, roupas e um rolo usado para mover o antigo Mt. Washington para a terra. A informação está disponível para pesquisa nas muitas áreas de Alton e nas pessoas que viveram aqui. Novos membros são bem-vindos! Além disso, a Sociedade sempre incentiva patrocinadores para o benefício de programas anuais, a restauração do J. Jones Freight Building "e a aquisição de artefatos do Museu.


Alton

Nossos editores irão revisar o que você enviou e determinar se o artigo deve ser revisado.

Alton, cidade, condado de Madison, sudoeste de Illinois, EUA Parte da área metropolitana de St. Louis, Missouri, Alton fica no rio Mississippi (com ponte) perto de sua confluência com o rio Missouri.

A cidade foi nomeada em homenagem a um filho do coronel Rufus Easton, um especulador de terras de St. Louis que definiu a comunidade em 1818 como um local de balsa. Rapidamente se desenvolveu em um movimentado porto fluvial. A primeira penitenciária estadual de Illinois (o prédio já não existe) foi inaugurada em 1833, a prisão abrigava soldados confederados durante a Guerra Civil Americana. A fabricação de munições começou em Alton na década de 1890 e continua sendo uma parte importante da economia da cidade. Outros fabricantes incluem aço, produtos de petróleo e maquinário para a produção de vidro. Grãos, carvão e produtos petrolíferos são despachados do porto. O jogo no cassino também contribui para a economia.

A Escola de Medicina Dentária da Southern Illinois University está localizada em Alton Lewis e o Clark Community College foi estabelecido (1970) no campus do antigo Monticello College (fundado em 1838) nas proximidades de Godfrey. Alton possui um museu de história e arte local (fundado em 1971). Um monumento homenageia o editor de jornal abolicionista Elijah P. Lovejoy, que foi morto em Alton por uma multidão pró-escravidão em 1837. O local do debate final Lincoln-Douglas em 1858 é comemorado por estátuas de bronze em tamanho real de Abraham Lincoln e Stephen A. Douglas. Há também uma estátua em tamanho real do nativo de Alton, Robert Pershing Wadlow (1918–40), que, com quase 2,7 metros de altura, era o homem mais alto do mundo. O pássaro Piasa, descrito por Jacques Marquette em 1673 como um monstro parecido com um pássaro gravado nas falésias do Mississippi, é uma famosa lenda local que uma representação foi repintada nas falésias. Nas proximidades estão o Two Rivers National Wildlife Refuge (parte do complexo Mark Twain National Wildlife Refuge) e o Parque Estadual Pere Marquette. Inc. town, 1833 city, 1837. Pop. (2000) 30.496 (2010) 27.865.


FAQ SOBRE ALTON HAUNTINGS TOURS

O passeio a pé é na verdade um passeio a pé?
Sim, é o passeio a pé que oferecemos desde 1999, mas NÃO é uma caminhada contínua de 3 horas. O passeio dura apenas cerca de 15 quarteirões de caminhada total, mas o tempo do passeio é gasto dentro e dentro dos locais do passeio. Paramos com frequência e o passeio é tranquilo, por isso não é uma noite extenuante. Também oferecemos passeios de ônibus para quem quer conhecer os locais, mas não quer caminhar.

Distribuímos uma lista dos lugares que visitamos no tour?
Não, infelizmente, não fazemos isso - por vários motivos. Em primeiro lugar, gostamos que os nossos hóspedes sejam surpreendidos, além disso, mudamos frequentemente o passeio, por isso pode variar ocasionalmente de noite para noite.

É esta a REAL "Haunted Alton" Tour?
Sim, este é o único passeio na área que é realmente baseado no livro mais vendido, Alton Assombrado, e foi criado pelo autor, Troy Taylor, em 1999.

Preciso de um cartão de crédito para fazer reservas?
Sim, todos os ingressos da turnê são vendidos por ordem de chegada, o que significa que os ingressos devem ser adquiridos com antecedência, assim como os ingressos para um show ou evento. Depois de comprá-los, eles são seus e os ingressos não são reembolsáveis.

Vou receber os ingressos pelo correio?
Não, ao se registrar online, você receberá um e-mail com um formulário de confirmação, que poderá imprimir e levar para o tour com você. Como só aceitamos reservas online, todos receberão sua confirmação por e-mail. Obrigado!

Posso receber meu dinheiro de volta se decidir cancelar ou não aparecer?
Desculpe, mas não, TODAS as reservas não são reembolsáveis, assim como em qualquer show ou evento. Todos os passeios são vendidos por ordem de chegada e não podemos revender as reservas não utilizadas. Depois de comprar as reservas, elas são suas. Você pode doá-los ou vendê-los para outra pessoa, mas não oferecemos reembolso. Iremos remarcá-lo se você não puder comparecer à data por algum motivo, mas exigimos um aviso de 48 HORAS para alterar a data. Remarcações devem ser feitas via e-mail e teremos o maior prazer em creditá-lo para uma futura excursão.


História de Godfrey

A vila de Godfrey fica no lado leste do rio Mississippi, entre as confluências dos rios Illinois e Missouri. Quando as hidrovias eram as únicas rodovias, as junções dos três rios formavam cruzamentos importantes. A localização atraiu nativos americanos, europeus e - durante o período territorial de Illinois - três grupos de colonos fronteiriços: “Primeiro, o homem branco nascido em um estado escravo ... segundo, o negro, geralmente um escravo e terceiro, o ianque, de mais as montanhas."

O reverendo Jacob Lurton e sua esposa, a ex-Sarah Tuley, deixaram sua casa de longa data em Louisville, Kentucky, na primavera de 1817. Acompanhados por uma grande família e seis escravos, os Lurtons foram os primeiros colonos registrados de Godfrey. Como muitos de seus colegas de fronteira, os Lurtons mantinham escravos, se dedicavam à fabricação de uísque e compartilhavam um antagonismo em relação aos ianques. Quando os ianques questionaram os costumes dos sulistas, os Lurtons e seus vizinhos seguiram em frente.

Os habitantes da Nova Inglaterra lideraram a segunda onda de colonos Godfrey. Nathan e Latty Scarritt eram fazendeiros metodistas temperantes, trabalhadores e devotos que recrutavam vizinhos com ideias semelhantes. Cinco anos depois que os Scarritts se estabeleceram em Godfrey, um influxo de homens de negócios do leste desenvolveu-se próximo à zona ribeirinha de Alton. Os empresários ianques olhavam para Godfrey como a principal fonte de recursos naturais e produtos agrícolas de Alton. Em 1833, Alton e Godfrey se juntaram economicamente, mas os colonos locais estavam profundamente divididos por questões sociais - especialmente pela questão da escravidão.

A área de Rocky Fork em Godfrey era um refúgio para escravos fugitivos. Os corajosos afro-americanos arriscaram suas vidas para escapar da escravidão, depois continuaram a voltar para ajudar outros a ganhar a liberdade. Os nativos americanos forneceram proteção e refúgio aos fugitivos até o fim da Guerra de 1812. Os “Amigos da Humanidade” brancos, agindo em resposta às suas crenças antiescravistas, também ajudaram os escravos. Em 1828, com a proteção e assistência de Don Alonzo Spaulding e sua família, Rocky Fork tornou-se uma estação ferroviária subterrânea de grande escala. Operada por negros e brancos, a estação atraía escravos fugitivos de Southern Illinois, Missouri, Kentucky e Tennessee. A história de Rocky Fork apresenta um esforço multirracial atraente que durou décadas.

Benjamin Godfrey, o homem que deu nome a Godfrey, há muito é objeto de especulação local. Ele era um pirata endurecido com ligações com o infame Jean Lafitte? Ou ele era um homem de negócios piedoso e humilde com uma paixão pela reforma? O ex-capitão do mar da Nova Inglaterra veio para a área em 1832 com US $ 50.000. Como sócio da bem-sucedida empresa de agenciamento de cargas Godfrey, Gilman & amp Company, ele rapidamente expandiu sua fortuna. Ele construiu a primeira igreja em Alton, uma mansão em Godfrey e a primeira faculdade para mulheres a oeste das Montanhas Allegheny. Ainda assim, quando questionado sobre seu passado, Godfrey apenas disse: “Seria um romance”. A reticência de Benjamin Godfrey escondeu seu envolvimento anterior no comércio doméstico de escravos. Em 1835, ele e seu sócio estavam entre os empresários mais bem-sucedidos de Illinois. Em aliança com outros, Godfrey embarcou em uma série fenomenal de desenvolvimento econômico e projetos de reforma filantrópica. Em 1838, Godfrey tinha interesse em terras, sociedades anônimas, minas de chumbo, equipamento de fundição, navios a vapor e a proposta Ferrovia Alton-Shelbyville. Lower Alton foi o cenário de um império comercial projetado para rivalizar com St. Louis.

Vários eventos trágicos ocorreram em rápida sucessão em 1837. Primeiro, Elijah Lovejoy, um jovem ministro e editor de jornal da Nova Inglaterra, foi morto por uma multidão pró-escravidão enquanto guardava sua gráfica no armazém de Godfrey, Gilman & amp Company em Alton. O martírio de Lovejoy e os julgamentos ridículos que se seguiram à sua morte destruíram a reputação de Alton no Oriente. Em seguida, uma crise econômica nacional atingiu proporções de pânico. O monopólio vertical de Godfrey e Gilman no mercado de chumbo Galena entrou em colapso, provocando a falência de outros negócios da Alton. A construção parou e o valor dos terrenos caiu. Os tempos difíceis se instalaram. Quando uma investigação subsequente do banco Godfrey e seu parceiro em abusos de gestão, os dois homens renunciaram a seus cargos e se prepararam para dissolver seu império comercial.

O Seminário Feminino Monticello foi inaugurado em 1838 no auge dos problemas financeiros de Benjamin Godfrey. No entanto, Godfrey não poupou despesas na construção de um edifício palaciano de pedra de três andares. Godfrey colocou o reverendo Theron Baldwin, um membro da Yale Band, como responsável pelos acadêmicos. Baldwin modelou o currículo rigoroso de Monticello com base no de sua alma mater e contratou três mulheres orientais para ensinar. Philena Fobes, uma “meia azul” de 27 anos com uma paixão pelo aprendizado e altos padrões acadêmicos, rapidamente ascendeu a uma posição de liderança na faculdade. Os alunos do seminário incluíam as filhas privilegiadas dos homens mais ricos e poderosos do estado, bem como filhas de proprietários de escravos, garotas índias Cherokee e garotas órfãs com bolsa de estudos.

Benjamin Godfrey sofreu uma série impressionante de perdas pessoais e financeiras após o Pânico de 1837. Voltando sua atenção para sua fazenda, sua família, o seminário que fundou e a aldeia que plantou, Godfrey usou o período para reagrupar e aperfeiçoar seu ativos remanescentes. Ele procurou isolar a faculdade e a comunidade da reputação de violência que se abateu sobre a área após o assassinato de Lovejoy. Durante a década seguinte, a Vila de Monticello, uma comunidade conservadora da Nova Inglaterra tanto em aparência quanto em valores, girava em torno do Seminário, suas duas igrejas protestantes e Benjamin Godfrey e sua família.

Em 1850, com a ajuda de Abraham Lincoln e outros membros da Legislatura do Estado de Illinois, Benjamin Godfrey iniciou a construção da tão esperada ferrovia Alton-Sangamon. Desde o início, Godfrey encontrou dificuldades de engenharia, mau tempo, problemas de mão de obra e estouros de custo. Em desespero, o fundador procurou fundos adicionais de um financista de Nova York, hipotecando tudo o que ele possuía no processo. Quando a dupla faixa de trilhos foi concluída em 1852, a estrada foi renomeada como Chicago and Mississippi Railroad. Ao mesmo tempo, Godfrey foi substituído como superintendente da estrada e envolvido em uma série de processos que se arrastaram por anos. Seus esforços, no entanto, trouxeram esperança e prosperidade renovadas para a região. Os agricultores cultivaram mais terra, os preços da terra aumentaram as minas de carvão, serrarias, moinhos de farinha, fábricas e destilarias operaram com capacidade máxima. Novas indústrias foram abertas e os empregos eram abundantes. O Seminário Monticello, no auge de suas realizações acadêmicas e culturais, foi apelidado de “o ornamento do Ocidente”.

A Guerra do México, a Corrida do Ouro na Califórnia, a ferrovia e o telégrafo trouxeram o resto da nação para mais perto. A mudança gerou novos antagonismos e conflitos.

A morte de Elijah Lovejoy em 1837 deu origem ao movimento de abolição. Homens e mulheres antiescravistas ficaram horrorizados quando um número crescente de negros e fugitivos livres foram presos e sequestrados. Os missionários orientais traçaram uma linha a leste de Alton, através do estado de Illinois. A área ao sul da linha era considerada escravista e, portanto, fora dos limites da causa dos missionários. Godfrey estava logo ao norte da linha. Os proprietários de escravos de St. Louis formaram uma organização secreta e intensificaram seus esforços para devolver os fugitivos e expor aqueles que ajudavam os fugitivos. Formaram-se sociedades secretas do Copperhead. Líderes negros locais surgiram para combater a Lei do Escravo Fugitivo de 1850. Brancos simpáticos, incluindo o Dr. Benjamin Franklin Long de Godfrey, fundaram a Illinois Mutual Fire Insurance Company, um negócio legítimo que fornecia uma cobertura altamente organizada e bem disfarçada para uma ferrovia subterrânea sistema que abrangia o centro e o norte de Illinois. A fazenda do Dr. Long se tornou a primeira parada na ferrovia subterrânea de Rocky Fork. A população de Rocky Fork dobrou entre 1850 e 1860. Na época em que Lincoln e Douglas debateram em Alton em 1858, os Estados Unidos estavam a caminho da guerra.

Abraham Lincoln ocupou o distrito de Monticello na eleição presidencial de 1860, mas não ocupou Madison ou os condados vizinhos. Quando os estados do sul se separaram da União, muitos residentes de Southern Illinois simpatizaram com a Confederação. Em Godfrey, no entanto, uma grande multidão entusiasmada se reuniu imediatamente para expressar sua lealdade ao Sindicato. Em meio a rumores de traidores, separações de condados e invasões, os residentes de Godfrey formaram o secreto “Comitê Prudencial de Monticello”. Os colonos originais dos Filhos de Godfrey serviram com a Frota de Ram do Mississippi, lutou nas batalhas de Fort. Henry e Ft. Donelson no Kentucky e na batalha sangrenta de Shiloh no Tennessee. Sgt. Carlos Colby, residente em Godfrey e sobrinho do Dr. Benjamin F. Long, foi agraciado com a Medalha de Honra do Congresso por heroísmo durante o Cerco de Vicksburg.

Quando os soldados voltaram vitoriosos e os mortos foram devidamente homenageados, era hora de um novo começo. Havia um sentimento de esperança, alegria e mudança no ar. Uma nova geração estava no comando. Reminiscências da geração pioneira se tornaram história. Novos líderes surgiram. O reverendo Erasmus Green, um veterano negro da Guerra Civil, presidiu o recém-construído Rocky Fork A.M.E. Igreja. No Seminário Monticello, as mulheres colocavam de lado suas saias de arco e se apresentavam em exibições de ginástica. Philena Fobes aposentou-se. “O que está inacabado em uma administração”, disse ela, “pode ser concluído em outra”.

Apesar dos diferentes estilos, valores e crenças, os colonos originais de Godfrey fizeram um progresso surpreendente. Em uma geração, eles limparam terras, construíram casas, cultivaram fazendas e estabeleceram igrejas, escolas e negócios com sucesso.

Em 1991, a Vila de Godfrey foi incorporada. Monumentos locais, marcos históricos, igrejas e tradições comemoram a geração pioneira de Godfrey.


Alton, Illinois - História

De 1929 a 1983, a Owens-Illinois Glass Company (1929 & # 8211 presente) foi a maior fábrica de produção de vidro do mundo localizada em Alton. Como um importante empregador para os residentes de Alton, impulsionou a economia e fez de Alton uma cidade industrial de grande sucesso no século XX.

No final do século 19, Alton tinha uma indústria de vidro estabelecida que abrangia várias pequenas empresas, sendo a maior a Illinois Glass Company. Foi iniciado em 1873 por William Eliot Smith (1844-1909) e Edward Levis (1819-1903). 1 Depois de 1877, seu sucesso exigiu um espaço maior para a produção, o que levou os líderes da Alton a arrecadar fundos para ajudar a comprar um terreno para evitar que a empresa se mudasse para St. Louis. 2 Em 1915, a Illinois Glass Company modernizou a indústria de vidro usando máquinas de engarrafamento inventadas pela Owens Bottle Machine Company, que substituiu os sopradores de vidro qualificados. A máquina tornou a produção de garrafas padronizadas mais rápida e em maior quantidade. A Illinois Glass Company produzia produtos de vidro para uma ampla variedade de usos: frascos de remédios, garrafas de álcool, garrafas de refrigerante, cinzeiros e muito mais. 3 O sucesso da empresa levou a Owens Bottle Machine Company a comprar a Illinois Glass Company por US $ 19 milhões em 1929, que criou a Owens-Illinois Glass Company. William (Bill) Levis (1890-1962), o ex-presidente da Illinois Glass Company e neto do cofundador Edward Levis, tornou-se o novo vice-presidente executivo e gerente geral da Owens-Illinois Glass Company, cuja sede mudou para Toledo, Ohio. 4

Logo, a fábrica de Alton se tornou a maior produtora de garrafas de vidro e a maior fábrica de contêineres de propriedade da Owens-Illinois. 5 Alton tinha três fábricas: a Divisão de Engenharia Geral, a Fábrica nº 97, Divisão de Lojas da Alton Central e a Fábrica nº 7, que era a Fábrica de Vidro.

O auge da produção da fábrica de Alton foi em 1973, com 2.400 trabalhadores que operavam nove dos dez fornos disponíveis e 31 máquinas formadoras de garrafas. Rumores sobre o fechamento da planta de Alton # 7 circularam na década de 1980 após várias demissões, deixando a planta operando com 10% de sua capacidade anterior. Em 27 de julho de 1983 foi divulgada a notícia de que a fábrica de Alton seria fechada por falta de negócios, deixando 17 fábricas abertas em todo o país. A fábrica de Alton fechou em 19 de outubro de 1983 após 110 anos de operação, deixando os 312 funcionários restantes sem seus empregos. A paralisação ocorreu devido à crescente popularidade das garrafas de plástico e alumínio, reduzindo a demanda por garrafas de vidro. 6

Owens-Illinois operava uma fábrica de moldes nas proximidades de Godfrey desde 1958. 7 Os maquinistas de Godfrey entraram em greve no verão de 1980, quando a empresa não conseguiu um contrato de trabalho aceitável. A greve foi resolvida em 30 de junho de 1980, quando Owens-Illinois produziu um novo contrato de três anos e os trabalhadores votaram pelo retorno aos seus empregos. Os benefícios do novo contrato incluíram aumentos salariais, melhorias no plano de previdência, cobertura de saúde e previdência, férias e cláusulas contratuais. A planta sobreviveu ao fechamento de 1983 das operações de Alton, mas foi transferida em 2009 para Perrysburg, Ohio, o que significava que Owens-Illinois não tinha vínculo remanescente com o condado de Madison. 8

Em 1997, 15 anos depois de as fábricas de Alton não funcionarem, começaram as negociações sobre a transformação dos edifícios e terrenos da antiga fábrica Owens-Illinois em um parque industrial para aumentar o potencial econômico de Alton. Um plano para reformar a antiga fábrica como depósito e construir uma área comercial esperava criar 1.000 empregos. A construção começou em 1998 com a limpeza dos espaços antigos e fazendo-os aderir à política da Agência de Proteção Ambiental de Illinois. O orçamento exigia US $ 16 milhões e a Clark Properties Inc. de St. Louis, MO ajudou a financiar. 9

Embora Owens-Illinois tenha deixado o condado de Madison oficialmente em 2009, o impacto que teve na comunidade ajudou a tornar Alton uma cidade industrial em expansão. A Owens-Illinois ainda é a maior produtora de vidro do mundo.


Alton, Illinois - História

Uma chave e um cadeado da Penitenciária do Estado de Illinois em Alton, Illinois. A União transformou a instalação em uma prisão militar durante a Guerra Civil. A chave da prisão tem 3,75 e # 8243 de comprimento. O cadeado tem uma barra de metal plana que se abre para cobrir o orifício da fechadura. Objetos MCHS 1938-068-0002 (chave) e 1938-068-0001 (cadeado).

A primeira penitenciária do estado

Em 1833, Illinois construiu sua primeira penitenciária estadual em Alton, Condado de Madison. A prisão era limitada pelas ruas Fourth, Williams, Second (também conhecida como Short) e Mill Streets.

Desenho da Prisão de Alton que apareceu no St. Louis Post-Dispatch no domingo, 15 de junho de 1902, com a legenda: & # 8220 Prisão de Alton como apareceu durante a Guerra Civil, desenhada para o Sunday Post-Dispatch de memória e fotos antigas de Thomas Long, de Alton. & # 8221

Um muro de pedra de 25 pés cercava o terreno da prisão, uma área quadrada medindo 100 metros de cada lado. Uma passagem estreita ao longo do topo da parede conectava as guaritas. Dentro do perímetro, os presidiários fabricavam ferramentas agrícolas em pequenos prédios de oficinas. O escritório e a casa do diretor ocupavam o canto sudoeste do terreno. Um prédio de blocos de celas de três níveis com uma escada de ferro na extremidade sul estendia-se atrás do escritório do diretor e do # 8217s.

Drenagem mal planejada para construção nas encostas do rio causou inundações e problemas recorrentes de saneamento. As celas tinham pouca ventilação e aquecimento inadequado. Em 1847, a reformadora prisional Dorothea Dix compareceu perante a legislatura de Illinois e defendeu o fechamento da prisão. A instalação foi finalmente fechada em junho de 1860.

Uma prisão militar da Guerra Civil

Cômoda em miniatura (8 & # 8243 de altura x 8,25 & # 8243 de largura x 6 & # 8243 de profundidade) feita por um prisioneiro de guerra sulista na prisão militar de Alton durante a Guerra Civil. Objeto MCHS 1965-077-0002.

A prisão foi reaberta em 1862, quando o governador Yates concedeu ao general Henry W. Halleck permissão para usá-la como prisão militar. Os primeiros prisioneiros chegaram em 9 de fevereiro de 1862. Além de soldados confederados prisioneiros de guerra, desertores da União e simpatizantes / Copperheads do sul (incluindo algumas mulheres) contavam-se entre os presos.

As atividades típicas da prisão incluíam fazer joias, jogar cartas e caminhar pelo quintal. Os presos lavaram suas próprias roupas. Os presos que foram condenados a trabalhos forçados passaram seu tempo quebrando pedras dentro do recinto da prisão ou em uma pedreira próxima. Alguns prisioneiros tiveram que usar uma bola e uma corrente. Muitos tentaram escapar abrindo túneis, escondendo-se em caixões ou subornando guardas. As infrações eram punidas com ser & # 8220 empurrado e amordaçado & # 8221 sendo enforcado pelos polegares ou usando um barril.

A Prisão Militar de Alton fornecia serviços de capelão e permitia que os prisioneiros se correspondessem com seus amigos e familiares. Depois que o major Morgan assumiu o comando em outubro de 1864, os prisioneiros foram autorizados a receber presentes e provisões. Alguns prisioneiros até gozavam de privilégios de liberdade condicional na cidade. Mas em 1864, a superlotação criou condições insalubres e escassez de alimentos.

& # 8220 Trinta e dois de nós ocupamos uma sala de dezoito pés quadrados, alguns têm beliches, outros ocupam o chão. & # 8230 [I] t é quase impossível dormir por causa dos ratos, que passam por cima de nós durante toda a noite & # 8230 & # 8221

(Griffin Frost, Diário de campo e prisão, entradas de 30 a 31 de janeiro de 1864.)

Relatórios oficiais mantidos por 36 meses sobre a população geral de prisioneiros indicam que 11.764 prisioneiros de guerra confederados passaram pela prisão. Em média, 1.261 presidiários viviam na prisão a cada mês. Mas às vezes novos prisioneiros eram admitidos antes que outros fossem transferidos ou trocados, criando períodos temporários de alto congestionamento nas instalações.

Um terreno fértil para a varíola

& # 8220Sunflower Island & # 8221 por Michael B. Mossman, em 2005-2015 Alton Area Paintings. A legenda do artista & # 8217s diz: & # 8220Durante a Guerra Civil, os prisioneiros confederados foram alojados na Prisão Federal em Alton, Illinois. Estima-se que mais de onze mil presos confederados foram mantidos na prisão durante o período de três anos em que esteve aberta. A varíola estourou e muitos prisioneiros foram isolados em uma ilha no rio Mississippi. A ilha era conhecida como & # 8216Sunflower Island. & # 8217 Foi na Sunflower Island onde muitos prisioneiros confederados sofreram e morreram. Os prisioneiros que não foram enterrados no Cemitério Confederado foram enterrados na ilha. Hoje, a ilha é coberta pela água do rio Mississippi. Esta pintura é uma pintura surreal e pretendia mostrar os olhos dos prisioneiros nos girassóis. Foi feito em acrílico sobre uma tela 18 x 24. Pintado em 2014. & # 8221 Mossman é um ex-residente de Edwardsville, Illinois, que cresceu em Alton.

A varíola (também conhecida como varíola) estourou na prisão em 1862. A epidemia atingiu o pico no inverno de 1863-1864.

As vítimas de varíola desenvolveram feridas achatadas e vermelhas no rosto e nas extremidades. As feridas se encheram de pus. Crostas se formaram sobre as lesões e caíram após cerca de três semanas. Contracted by contact with an infected person’s bodily fluids, the virus spread easily in the close prison conditions.

At the height of the epidemic, infected inmates were quarantined on Sunflower Island, a small island in the Mississippi River located 200 yards upstream from the prison. The island (also known as Tow Head Island, McPike Island, Willow Bug Island, Mosquito Island, or Round Island) soon acquired a new name: Smallpox Island. Healthier victims dug mass graves for the bodies of the dead. The island was prone to flooding and began silting away in 1930. It has now completely disappeared.

A monument to the dead

The Alton prison closed at the end of the Civil War. Today only a small portion of the stone wall formerly surrounding the prison grounds remains standing. To the extent that records were kept, the official death count at the prison totaled 1,354 Confederate POWs. These names are listed on the Soldiers Monument in the North Alton Confederate Cemetery on Rozier Street. Approximately 240 documented Confederate soldiers and civilians, and roughly 200 Union soldier inmates, were buried on Smallpox Island.

Photograph of the Alton Military Prison historic site. Modified from a photograph by Nyttend available at https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=33183412.

Ideas for Teachers (or anyone who wants to take a deeper dive into the history of the Alton prison)

Some relevant essential questions for students to explore:

Possible classroom activities:

  • Discuss the moral standards that apply in the treatment of prisoners-of-war.
  • According to the statistics presented above, approximately 10-11% of the Confederate POWs at the Alton Military Prison died during their imprisonment. Compare this survival rate compare to survival rates at other Confederate and Union military prisons. Compare these statistics to survival rates for Civil War soldiers who weren’t imprisoned.
  • Prisoners in the Alton Military Prison made crafts and jewelry. Michael Mossman created a painting of Smallpox Island 150 years after the Civil War. Research other examples of prisoner art and prisoner-inspired art to explore how the experience or contemplation of incarceration affects creativity.
  • Discuss probable effects the Alton Military Prison had on the lives of Altonians.

Sources for this article include newspaper articles from the Alton Telegraph and the following additional sources:


Alton, Illinois - History

SHARE THIS RESOURCE


SHARE THIS RESOURCE

SHARE THIS RESOURCE

SHARE THIS RESOURCE

SHARE THIS RESOURCE


DIGITAL RESEARCH LIBRARY OF ILLINOIS HISTORY®
A resource of the Living History of Illinois and Chicago® community.

FOR THE LOVE OF HISTORY

T he Digital Research Library of Illinois History® was developed to support the Facebook history group "Living History of Illinois and Chicago ®" (LHIC) as a knowledgebase and repository for Illinois documents, books, research papers, and other Illinois history resources.

Our mission is to present, preserve and investigate Illinois history. Use by students, researchers, educators and the general public, the Digital Research Library of Illinois History® is a resourc not to be missed.

THE 1893 WORLD'S COLUMBIAN EXPOSITION
READING ROOM

C e've got your ticket to the 1893 World's Columbian Exposition. If you love the Chicago World's Fair. you found Utopia!

Click the Ticket to the Fair >>>

The Reading Room contains antique books, research papers, photographs, listing of the "special days," and 13 amazing 3D CAD video tours.

T he Journal presents Illinois history in a friendlier format than Facebook does, with better search functions and imbedded images. Being membership free, anybody can add their comments to the postings in the Journal.

The Journal had reached over 3,420,000 readers since 11/2016, and we continue to grow!

LISTEN TO AN AUDIO
RECORDING OF HISTORY
To play, click the
[] next to the title.

T he evolution of teaching and presenting history, in a meaningful and memorable way, has taken a huge leap forward. The use of social media allows Living History of Illinois and Chicago ® group members and the non-membership Digital Research Library of Illinois History Journal™ to add to the richness of the historical presentions with their historical knowledge, personal experience and supporting documents.

ILLINOIS BOOKS & FILES

100 Years of Progress, The Centennial History of Anna, IL. pub:1954
A Woman's Story of Pioneer Illinois, by Christiana Holmes Tillson. Pub:1919
A Timeline of Illinois History
African-American Postal Workers in the 20th Century.
Alton Illinois Illustrated. pub:1912
American Bottom Region of Illinois
Army Life of an Illinois Soldier, Including a Day by Day Record of Sherman's March to the Sea. pub:1906
Belleville, Illinois - Illustrated. pub:1905
Biography in Black, A History of Streator, Illinois. pub:1962
Blue Island Story, 1835-1962. pub:1962
Broadwell Inn & Tavern, Clayville, Illinois. [built in 1824]
Burma-Shave History. Including over 500 multi-sign advertising messages seen on Illinois and US Highways.
Centennial History of Illinois, Volume - 01, 02
Chain of Rocks Bridge, Chouteau Island, Illinois.
Clarence Darrow, Timeline of His Life and Legal Career.
Complete History of Southern Illinois' Gang War. pub:1927
Constitution of the State of Illinois 1818. pub:1819
Dwight Centennial, 1854-1954: A Great Past - A Greater Future
East Saint Louis, Illinois: Race Riots of 1917
Freeburg, Illinois, Centennial Celebration, 1859-1959
French and Indians of the Illinois River. pub:1874
Galena Illinois Guide. pub:1937
Galena Illinois' Old Stockade Used during the Black Hawk War of 1832
Glimpses of Prairie du Rocher, Illinois, history from 1722 to 1942
Gurdon Saltonstall Hubbard, Autobiography of by Gurdon Saltonstall Hubbard pub:1911
Gurdon Saltonstall Hubbard, Incidents and Events in the Life of by Gurdon Saltonstall Hubbard pub:1888
Historical Encyclopedia of Illinois. pub:1900
Historical Encyclopedia of Illinois, with Commemorative Biographies, Vol 2. pub:1926
History of Belleville, Illinois. pub:1951
History of East St. Louis. pub:1875
History of Gazette Building in Champaign, Illinois.
History of Illinois from its commencement as a state in 1818 to 1847 by Gov. Thomas Ford. pub:1854
History of Millstadt, Illinois
History of Mokena, Illinois
History of Negro Servitude in Illinois and of Slavery Agitation in that State 1719-1864. pub:1904
History of New Milford, Illinois, 1835-1975
History of Sears Modern Homes and Sears Honor Bilt Homes.
History of the City of Cairo, Illinois. pub:1910
History of the City of Quincy. Illinois by General John Tillson. pub:1880
History of the Illinois Training School for Nurses, 1880-1929. pub:1930
History of Southern Illinois, its Historical Progress, People, Principal Interests. pub:1912 - Volumes 01, 02, 03
History of the Swedes of Illinois. pub:1908
Illinois Crime Survey, by Illinois Association for Criminal Justice. pub:1929
Illinois in 1818, by Solon Justus Buck. pub:1918
Kinsella Log Cabin (two-story) built in 1854, Fairview Heights, Illinois. [photography by N.Gale]
Laws of Illinois, Relating to Cities and Villages. pub:1878
Laws of the Illinois Territory, 1809-1818. pub:1950
Life of Black Hawk as dictated by himself. pub:1834
Maeystown, Illinois - The Entire Village is on the National Register of Historic Places since 1978.
Mother Bickerdyke, Her Life and Labors for the Relief of Our Soldiers. pub:1886
Nicholas Jarrot Mansion, Cahokia, Illinois - Illinois' Oldest Brick House Blueprints. [completed 1806]
Old Illinois Houses, by John Drury. pub:1941
Origins of Nude Swimming in Illinois Public Schools.
Pana, Illinois. pub:1913
Panic of 1893 in Illinois and Chicago.
Past and Present of the City of Rockford and Winnebago County, Illinois. pub:1905
Pioneer History of Illinois containing the Discovery in 1673 to 1818. pub:1887
Skokie (Niles Centre), Illinois - Old businesses within a block radius from downtown Skokie's center.
Springfield: the home of Abraham Lincoln. pub:1926
Story of Illinois and Its People, pub:1910, Rev. ed.1913
The Early History of Illinois: from discovery by the French in 1673, until cession to Great Britain in 1763.
The First Settler of Evanston and Wilmette - Antoine Ouilmette 1790-1826.
The Life of Logan Belt the Noted Desperado of Southern Illinois. pub:1888
The Pioneer History of Illinois containing the discovery in 1672.
The Rivalship of Insignificant Villages: Springfield, Illinois and Sangamo Town Development. 1817-1840
Two hours in Springfield by the Passenger Department of the Chicago and Alton Railroad. pub:1909
Two Years' Residence on the English Prairie of Illinois. pub:1822
Wood River, Illinois Massacre of 1814
Zeigler, Illinois. A Breath Away from Being the Nation's Capitol.

LOST TOWNS OF ILLINOIS
CONTAINS SETTLEMENTS (WITHIN CURRENT ILLINOIS BOUNDARIES) BEGINNING IN 1673 FROM THE ILLINOIS COUNTRY THE NORTHWEST INDIANA AND ILLINOIS TERRITORIES UNTIL PRESENT DAY.

CHICAGOLAND BOOKS & FILES

A Guide to the City of Chicago, with a map of the city. pub:1868. [pre 1871 Chicago Fire]
55 Chicago History Stories You Probably Were Not Aware Of.
American Negro Exposition 1863-1940, July 4 to Sept. 2, 1940, Chicago, IL.
Bachelor’s Grove Cemetery Haunted History, Midlothian, Illinois
Bygone Days in Chicago Recollection of the "Garden City" of the Sixties [1860s]. pub:1910
Captain Streeter, Pioneer. pub:1914 [Streeterville Neighborhood of Chicago]
Cemetery History of Early Chicago
Chicago and the Old Northwest, 1673-1835 (inc. Fort Dearborn). pub:1913
Chicago and the Great Conflagration, pub:1871
Chicago Antiquities, comprising original items, relations, letters, extracts, pertaining to early Chicago. pub:1881
Chicago City Railways "The Trail of the Trolley," pub:1909
Chicago Flood of 1992.
Chicago in the early 1800s, an area in transition.
Chicago Loop's Cowpath at 100 W. Monroe - since 1844
Chicago Map Book of 77 Community Areas
Chicago Park District history, background, and organization. pub:1936
Chicago Past and Present a manual for the citizen, the Teacher and the Student. pub:1906
Chicago Photographers 1847 through 1900, as listed in Chicago City Directories.
Chicago Public Transportation - Street Railways.
Chicago Railroad Fair Official Guide Book - Wheels a-Rolling, 1948
Chicago Railroad Fair Official Guide Book - Wheels a-Rolling, 1949
Chicago Telephone Exchange Names and History.
Chicago Shelter Cottages - After the Great Chicago Fire of 1871.
Chicago Street Renaming Document of 1909
Chicago Street Renumbering Document of 1909
Chicago Street Renumbering Document of 1911 for Chicago Loop Addresses.
Chicago The Origin and Meaning of the Name.
Chicago's Greatest Issue an Official Plan. pub:1911
Chicago's Jitney Cab War of 1950
Chicago's Magnificent Melting Pot (Devon Avenue), American Way - American Airlines. June 2015
Chicago’s Smallest Cemetery the Andreas Von Zirngibl Gravesite.
Chicago’s Underground Freight Railway History & The Great Flood of 1992
Des Plaines, Illinois Centennial Celebration. pub:1935
Dime Museums in Chicago, Illinois [approx. 1890s to 1920s]
Dutch Communities of Chicago, pub:1927
Early Chicago: as seen by a cartoonist. pub:1947
Everleigh Club, Chicago, Illinois - Most Famous Brothel in USA History.
Five Schlitz Brewery Tied-Houses & One Schlitz Brewery Stable Building built between 1898 to 1906 in Chicago.
Four Plus One (4+1), Mid Century, Mid Rise Apartment Buildings, Chicago, IL.
Glass Blocks a Chicago Invention.
Givins Castle, (aka: Irish Castle) 10244 S Longwood Dr, Chicago, IL.
Guide to the City of Chicago, pub:1862
Geographic Background of Chicago, pub:1926
History of Chicago Alleys
History of Chicago from the earliest period to the present time, pub:1884 - Volumes 01, 02, 03
History of Chicago Sidewalk Stamps
History of Chicago: Its Commercial and Manufacturing Interests and Industry. pub:1862
History of Niles, Illinois - Centennial, 1899-1999
History of Palatine, Illinois - Centennial Book, 1855-1955
History of the Chicago Police: from Settlement to 1886. pub:1887
History of the Swedish Engineers' Society of Chicago, 1908-1948
History of the Yards 1865-1953. Chicago Union Stock Yards.
Indian Trails and Villages of Chicago and Cook Dupage Will Counties of Illinois 1804
Interactive Google Map of Chicago Neighborhoods
Interstate Industrial Exposition Building, Chicago, Illinois.
Marshall Field Funds and Battles for the Columbian Museum of Chicago
Meigs Field, Chicago, Illinois, Airport History.
Old Monroe Street, Notes on the Monroe Street of Early Chicago Days. pub:1914
Municipal control of tuberculosis in Chicago 1915
Olson Memorial Park, Waterfall and Rock Garden, Chicago. (1935-1978)
Oscar Mayer Enterprise. Chicago, Illinois
Personal experiences during the Chicago fire. pub:1871
Plan of Chicago by Daniel H. Burnham. pub:1909
Raising Chicago Streets Out of the Mud in 1858
Reminiscences of early Chicago and vicinity. pub:1902
Rookery Building, Chicago. Built in 1886
Schwinn Bicycle History Arnold, Schwinn and Company, Chicago, IL.
Skokie Swift, The Commuters Friend. pub:1968.
The Alpha Suffrage Record Volume 1, Number 1, March 18, 1914 [by "Alpha Suffrage Club" of Chicago]
The Story of Jewish Life in Chicago.
Township of Jefferson, Illinois. pub:1911
Twenty years at Hull House by Jane Addams. Pub:1910
Wau-Bun, the Early Day in the Northwest, by Juliette Augusta Magill Kinzie. pub:1873 [John H. Kinzie's wife]
Uptown Theater in Chicago - Opening Program -1925
Waste Disposal History of Chicago
Why the North-South Chicago Streets Jog at North Avenue.
Zenith's Story, a History from 1919.


Alton, Illinois - History

Welcome to the City of Alton

Welcome to the website of the City of Alton Illinois! Please explore to learn more about our city. Our website is constantly updated, so please visit frequently.

MESSAGE FROM MAYOR DAVID GOINS

As the Mayor and on behalf of the elected officials and staff we welcome you to the City of Alton.

Founded in 1837, Alton is a city that is very rich in history and has a lot to offer. We have beautiful parks, a great school district, attractions, and events to interest everyone. There are two golf courses, tennis courts at two of our 19 parks, and a gorgeous marina.

Our 28,000 residents benefit from a cost of living below the national average and the protection of the Alton Police and Fire Departments. Because of the great work by our Police Department, we have a crime rate that continues to drop. Our Fire Department’s Insurance Services Office (ISO) rating is a 2, which puts them in the top 2% of Fire Departments in the nation! Your safety, in the City of Alton, is one of our main concerns.

I extend my sincere thanks to everyone who volunteered this past year to help grow our city and for all the businesses who continue to invest in Alton.

Our dedicated employees and committee volunteers work tirelessly to serve city residents and businesses. We look forward to serving you in 2021 and encourage your suggestions and comments at any time. Please feel free to contact me at 618.463.3500


Livro / material impresso History of the rise and progress of the Alton riots, culminating in the death of Rev. Elijah P. Lovejoy, November 7th, 1837.

The Library of Congress is providing access to these materials for educational and research purposes and makes no warranty with regard to their use for other purposes. The written permission of the copyright owners and/or other rights holders (such as holders of publicity and/or privacy rights) is required for distribution, reproduction, or other use of protected items beyond that allowed by fair use or other statutory exemptions. See Copyright and Other Restrictions.

The Library of Congress is not aware of any U.S. Copyright (see Title 17 of the United States Code) or other restrictions on use of the materials. However, responsibility for making an independent legal assessment of an item and securing any necessary permissions ultimately rests with persons desiring to use the item.


Assista o vídeo: Alton, Illinois: Historic Sites, State Parks and Beautiful Nature (Novembro 2021).