A história

Túmulo com mais de 3.000 anos é descoberto próximo à capital do Egito


Arqueólogos egípcios anunciaram em 30/05/2010 terem encontrado na área da necrópole de Saqqara, cidade próxima ao Cairo, um grande túmulo com mais de 3.000 anos e que pertenceu a uma alta autoridade da era faraônica.

O túmulo pertence a Betah Mes, que foi chefe militar, escriba real, chefe do tesouro e administrador dos celeiros reais, pertencente à 19ª dinastia, que reinou no Egito entre 1.320 e 1.200 antes de Cristo, especialmente com o lendário Ramsés II.

O túmulo possui 70 metros de extensão e estava escondido sob as areias do deserto desde 1885, quando saqueadores furtaram alguns de seus murais.

Os arqueólogos descobriram baixos-relevos que representam oferendas às divindades e o falecido e sua família orando ao deus Amon.

A busca continua na câmara principal do túmulo, onde os arqueólogos esperam esperar a achar a múmia de Mes e talvez de sua mulher.


Os hieróglifos do túmulo são vistos em foto não datada divulgada pelo Conselho Supremo de Antiguidades do Egito. (Foto: AP)

Fonte: G1